Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose super simples e fácil

Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose super simples e fácil

Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose super simples e fácil

Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose super simples e fácil

Aprenda a fazer uma receita deliciosa de Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose! Ele é muito fofinho, simples e delicioso para comer quentinho! Um bolo perfeito para o seu lanche da tarde, super rápido de fazer, pois ele é feito com poucos ingrediente e usaremos somente o liquidificador para bater a massa!

Como fazer Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose:

Ingredientes: 

  • 4 ovos 
  • 1 e ½ xícara de açúcar 
  • 1 xícara de óleo de girassol 
  • Uma lata de milho (com a água) 
  • 9 colheres de sopa (cheias) de fubá 
  • 1 colher bem cheia de fermento

Modo de preparo: 

  1. Primeiramente, pré aqueça o forno a 180 graus.
  2. Logo após, unte uma forma com óleo e fubá ou separe uma forma antiaderente.
  3. Em seguida, bata tudo no liquidificador, primeiro bata bem os líquidos e depois acrescente os sólidos, menos o fermento.
  4. Logo depois, deixe para acrescentar o fermento por último e misture com a colher.
  5. Transfira a massa para a forma e leve ao forno por aproximadamente 40 minutos. Faça o teste do palito para saber se já está bom.

Curtiu a receita? Então, quer mais receitas doces? Veja aqui:

Sundae Saudável com Calda Quente de Chocolate

Barra de Chocolate Caseira com Amendoim: Apenas 4 Ingredientes!

Pudinzinho de Maracujá

Bolo de banana com fermentação natural delicioso usando o descarte do levain

Frutas Assadas com Crumble e Chantilly

Espero ter te ajudado a fazer o melhor Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose que você já comeu. Então, se você tiver alguma dúvida sobre essa receita, deixe um comentário. Além disso, se você fizer, quero saber o que você achou! Assi, por favor, volte e compartilhe sua experiência!

Bolo de Fubá com Milho sem Glúten e sem Lactose super simples e fácil

Fonte: @thaisfschmitt